fundo parallax

Dicas para uma Loja de Bijouterias

As bijuterias podem fazer parte da decoração
20 de maio de 2020
Publicado Por Vinicius Gonçalves
Canal Novo Negocio
www.novonegocio.com.br
 

Dicas Para Uma Loja De Bijuterias

Deixar a loja de bijuterias parecida com uma joalheria é um método muito elegante de chamar a atenção do público. Isso se dará pela estrutura e decoração do espaço que tanto pode ser por um decorador profissional quanto pelo empreendedor que tenha noções na área.

O importante é que o preço baixo seja evidenciado para que as pessoas tenham um incentivo a mais para entrarem e consumirem, afinal, estamos tratando de uma loja de bijuterias simples com um visual mais elegante.

Instalações De Uma Loja De Bijuterias

Podemos considerar uma área de 10 m² suficiente para uma loja de bijuterias. Nela, o espaço deve ser muito bem adaptado e aproveitado para que sejam expostas nos balcões e vitrines as variedades dos produtos de destaque.

É essencial que as vidraçarias estejam limpas e transparentes para a melhor visualização dos clientes. Se possível, deve-se incorporar luzes para dar destaque aos detalhes e valorizar o brilho das peças.

Para o conforto do cliente, podem-se colocar assentos, espelhos e ar condicionado no local. Assim, as pessoas se sentem melhor acolhidas e tem uma grande probabilidade de voltar ao local para fazer boas compras, principalmente se o preço estiver dentro de suas expectativas e o negócio oferecer melhores vantagens que a concorrência.

Público De Uma Loja De Bijuterias

Para saber detalhes sobre o perfil do público-alvo, o empreendedor deve conversar e fazer pesquisas na região em que pretende estabelecer o novo negócio.

Assim, é possível saber em média a faixa etária das pessoas que passam por ali, sua situação econômica e financeira, sexo, preferências e costumes.

A loja de bijuterias pode ser considerada uma ideia de negócio com pouco investimento, ainda mais se você preferir por trabalhar em casa ou em uma pequena peça.

Nem sempre é fácil acertar e conseguir saber exatamente agradar as pessoas que chegam à loja de bijuterias a ponto de gerar um grande sucesso nas vendas logo de cara, mas é bom analisar os diversos pontos que a pesquisa pode oferecer para um sucesso de longo prazo.

As misturas de peças de determinados tipos de preços num mesmo estabelecimento pode não ser o ideal, pois o consumidor geralmente tem preferências por lojas que tenham a sua cara, ou seja, atendem suas solicitações e exibem o seu estilo.

Divulgação De Uma Loja De Bijuterias

As revistas de moda são uma boa alternativa para divulgação de uma loja de bijuterias. Isso porque nelas encontramos as roupas que estão associadas aos diversos acessórios, fazendo parte as bijuterias.

Seria bom que a loja de bijuterias atendesse o público sempre com as novidades e coleções que vêm chegando ao cenário da bijuteria, que estejam disponíveis para a compra na própria loja, através da internet. O método de divulgação torna-se bem mais econômico e atinge um grande número de pessoas.

Além disso, o empreendedor pode ficar a vontade para interagir com profissionais de marketing e formular novos métodos para chamar a atenção do público a conferir as novidades que a loja de bijuterias oferece.

A própria internet tem inúmeras facilidades e métodos para chegar ao cliente, compreende a forma menos custosa, na maioria das vezes. Divulgação em blogs de moda pode ser um bom negócio.

Investimento Inicial De Uma Loja De Bijuterias

Uma loja de bijuterias precisa de um valor mínimo de capital para começar a atuar no mercado de trabalho.

Cerca de R$20.000,00 reais é o valor necessário para um empreendimento de pequeno porte, incluindo a estrutura física da loja (reforma, móveis, decoração, acessórios, linha de telefone, etc.) e as primeiras mercadorias adquiridas de uma distribuidora de bijuterias.

Para saber exatamente o investimento necessário, você deverá fazer um plano de negócios.

Com as facilidades que a legalização oferece hoje em dia, muitos ambulantes começaram a se legalizar e ter um comércio dentro das leis. O capital de giro (para estoque, custos fixos e mão de obra) também está incluso no valor relatado acima.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat
Posso Ajudar?